Decepções Amorosas

Que jogue a primeira pedra quem nunca se magoou com alguém. Quem nunca chorou de decepção, pode ser com um amigo, um familiar, um amor.
É difícil esse sentimento, você confiar em alguém , e esse alguém fazer você chorar.
Cada menina deve ter sua mágoa por decepção.
Mas hoje falarei da mágoa da decepção no amor!
Quando nos apaixonamos por uma pessoa, sentimos um mar de flores aos nossos pés, sentimentos que tudo é mais colorido, mais bonito.Quando é correspondido então, nossa, como ficamos bobas , como viramos crianças a brincar e a cantarolar certas canções.
Mas, quando esse alguém resolve te machucar? O que fazer?
A vontade é de sumir, mas fica a questão no ar: - será que se eu sumir , ele vai me procurar pra se perdoar ?
E a resposta pra essa pergunta é na maioria das vezes: Não. Então você sente o mundo desabar, você sente que a vida num tem mais graça, num tem mais cor.
Hoje em dia, os homens são tão difíceis de se conquistar, são tão difíceis de arrancar um: eu te amo !
E quando eles nos deixam? Lágrimas e sonos interrompidos não são mais uma ajuda e sim uma dor.
O jeito é acreditarmos que um dia a história vai mudar.
Ver a pessoa que amamos beijando outra, ver que o seu relacionamento estava sendo destruído aos poucos,dói.
Quando a gente ama a pessoa errada, Deus faz com que a gente saia desse relacionamento, pode ser do jeito mais doloroso ou de um jeito simples, mas ele faz...
E depois de um tempo, você encontra a pessoa que será o amor da sua vida, e a sua antiga decepção é esquecida.
Acreditem, nem toda decepção é pra sempre.
Põem a cabeça reta e respire fundo e batam no peito e digam: EU AMEI, EU SOFRI MAS EU SUPEREI.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 comentários:

Nise disse...

Amei esse Post. Ele foi tão verdadeiro.
Isso já aconteceu varias vezes comigo.
"EU AMEI. EU SOFRI MAS EU SUPEREI."²

Angell Maite disse...

Mana tem toda nossa cara!Adorei.

Je Angelo disse...

esse texto , vou te contaar : [sem palavras]

Taynara Costa disse...

muito lindo *-*

Postar um comentário